Sírio tocou o coração dos brasileiros com depoimento (Foto: Reprodução/Facebook)

Fora dos Trilhos

O sírio Kaysar enfrenta, nesta segunda-feira, o arquiteto Breno no penúltimo Paredão do Big Brother Brasil. Apesar de ter ficado 42 horas e 58 minutos em uma prova de resistência, valendo a imunidade e um carro, interrompida pela produção, o refugiado não teve benefício no jogo. Ana Clara, filha de Ayrton, que também ficou durante esse período na disputa, acabou convencendo-o de lhe dar o poder de não participar dessa berlinda.


A conversa entre a garota e o sírio foi transmitida ao vivo pela Globo e pode complicar os planos da Família Lima de vencer o jogo. Isso porque o estrangeiro, em tese, teria mais motivos para querer a imunidade: ele quer ganhar o R$ 1,5 milhão para trazer sua família, que está no meio da guerra civil da Síria, para o Brasil.


No papo, ele deixou isso bem claro para a ruivinha. “Estou tão perto do meu sonho, não posso ir ao Paredão e arriscar agora”, disse, quase aos prantos. “Meus pais deixaram o emprego, eu também estou desempregada”, argumentou ela. “Vocês estão sem emprego, minha família está na guerra”, tentou convencer o sírio.


No fim, ele parece ter sacado que aquele momento não se tratava de uma conversa comum. Kaysar percebeu que poderia transmitir seu discurso – que é bastante válido, diga-se – para todo o Brasil. E, assim, acabar praticamente sacramentando a sua vitória. “Tenho cicatrizes de tiros no meu corpo, tiros dados pela vida. Essa é só mais uma”, disse a Tiago Leifert. “Me desculpa, mãe”, concluiu. Ana percebeu a esperteza do sírio, mas não pode fazer mais nada. Só torcer para não enfrentar Gleici, também favorita, no último Paredão, que será formado após a eliminação, muito provavelmente, de Breno.

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS

Brothers souberam jogar durante o reality (Foto: Reprodução/TV Globo)

Fora dos Trilhos

A 18ª temporada de Big Brother Brasil reservou a final para os grandes favoritos ao prêmio: Kaysar, Gleici e Família Lima, formada por Ana Clara e Ayrton, venceram grandes duelos e foram eliminando, um a um, seus adversários no jogo.

Os finalistas enfrentaram e derrotaram Jaqueline, Ana Paula, Nayara, Mahmoud (que era aliado), Diego, Caruso, Wagner, Jéssica, Breno e Paula. Em 14 Paredões, eles não estiveram presentes apenas em quatro.

Enquanto o sírio busca o prêmio para tirar a família da guerra civil de seu país natal, que já dura quase sete anos, a acreana Gleici tenta melhorar a vida, já que teve uma vida sofrida até chegar ao reality. A família corre por fora, mas a história de Ayrton, que tentou entrar no BBB em quase todas as edições, pode comover o público.

Certo é que os quatro jogaram muito bem e evitaram, acertadamente, confrontos em Paredões entre eles. Gleici voltou de uma berlinda falsa e, desde então, não foi mais colocada à prova na casa. Kaysar conseguiu se esquivar bem até a reta final, quando praticamente escolheu enfrentar adversários mais fracos. Ana Clara e Ayrton conquistaram amizades em grupos diferentes e também tiveram méritos de chegar à final.

Sírio é o favorito para ganhar o prêmio (Foto: Reprodução/TV Globo)

Fora dos Trilhos

O sírio Kaysar já viveu altos e baixos junto ao público no Big Brother Brasil. Ele entrou na casa e despontou como favorito ao título. Depois, iniciou romance com a renegada Patrícia e a relação com os espectadores ficou abalada.

Quando a moça foi praticamente expulsa do reality pelo público, com 94% de rejeição, ele pareceu ficar bobo, fazendo brincadeiras nada agradáveis com Caruso.


Só que, depois de tudo isso, ele parece mais forte do que nunca para vencer o prêmio final, depois de eliminar Jéssica, na terça-feira, 10. Se quiser chegar até o último dia e conquistar o R$ 1,5 milhão, terá que usar a cabeça: dois adversários, Breno e Paula, são os mais fracos, enquanto a Família Lima e Gleici também despontam como favoritos. Com o mesmo olhar, Breno e Paula parecem cada vez mais distantes do resto da casa.

Caruso comparou Wagner a uma nota fictícia de R$ 3 (Foto: Reprodução/Globo)

Fora dos Trilhos

Um momento bastante constrangedor ocorreu, nesta terça-feira, após a eliminação de Wagner do Big Brother Brasil. O ex-participante foi convidado a dar uma entrevista à repórter Fernanda Keulla, em programa veiculado na internet. Até aí tudo bem. Só que a produção chamou Caruso para participar no telão e o clima esquentou.

Antigos aliados na casa, os dois já se estranharam no cumprimento. “Oi, princesa”, disse o paulista. Irritado, o paranaense respondeu. “Oi, nervosinho”. Caruso segurava uma nota de três reais, que é constantemente utilizada para representar pessoas falsas. “Vem aqui buscar [a nota]. Vou te arrebentar. Vem aqui para São Paulo que nós vamos fazer churrasquinho de você”, comentou.

“O teu palanque é esse aí mesmo. Foi o que sobrou para você”, rebateu Wagner. “Você também saiu”, chegou a falar o paulista, antes de ser cortado pela apresentadora. O namorado de Gleici ainda disse algumas palavras de baixo calão antes de encerrar o assunto.

Wagner foi eliminado do BBB com 59,5% dos votos, enfrentando a Família Lima, cujos integrantes Ana Clara e Ayrton despontam como amplos favoritos ao título da competição. Para ver a discussão, clique aqui (a partir dos 39 minutos). 

VEJA NOSSA EDIÇÃO DO DIA

Presidente da Fifa se esquivou de perguntas políticas (Foto: Fotos Públicas)

Copa 2018

Jogador admite que na Eurocopa havia um clima de "já ganhou" (Foto: Reprodução/Facebook)

Copa 2018

Croácia faz história e decide título contra a França (Foto FA/Staff)

Copa 2018

A jornalista brasileira Júlia Guimarães, da Globo e do SporTV, foi vítima de uma investida enquanto trabalhava na Rússia (Foto: Reprodução/TV Globo)

Copa 2018
Ainda não possui um cadastro? Registre-se

ou

Articulistas

Colunistas

Poder Executivo não deveria inferir tanto no Judiciário. Escolhas de juízes muitas vezes são mais ideológicas e partidárias do que técnicas (Foto: Antonio Cruz/ABR/Fotos Públicas)

Opinião

Paralisação dos caminhoneiros atrapalhou a economia, mas não foi a principal culpada (Foto: Marcelo Pinto/APlateia/Fotos Públicas)

Opinião

Descansar é necessário. Mesmo para empresários (Foto: Marcelo Lelis/ Ag. Pará/Fotos Públicas

Opinião

Vacina ainda é o melhor método para combater doenças como o sarampo (Foto: Leandro Osório/ Especial Palácio Piratini/ Fotos Públicas)

Opinião