notíciasDestaque Últimas

Atividade física melhora saúde na gravidez

04/05/2017 10:47 AM / Da Redação / Atualizado em 01/06/2017 4:24 pm

DA REDAÇÃO – A atividade física durante a gestação ajuda a controlar o ganho de peso e a deixar as mamães bonitas e em boa forma. Os exercícios também são benéficos para a saúde e, além de reduzirem as dores lombares, ajudam a prevenir algumas doenças como diabete gestacional e pré-eclâmpsia. Eles também podem facilitar o trabalho de parto e melhorar o sistema cardiovascular beneficiando a mãe e o bebê. “Os exercícios físicos provocam a liberação do hormônio endorfina, que causa bem-estar, e melhoram a tonificação da musculatura e controle do ganho de gordura corporal, levando a gestante a sentir-se bonita”, disse a médica de esporte e especialista em gestantes, Karina Hatano.

É fundamental conversar com o médico antes de iniciar qualquer exercício. “Só ele pode dizer quais atividades a paciente tem condições de fazer. Há algumas restrições como a gravidez de gêmeos e contraindicações quando existe o risco de parto prematuro”, alertou Karina.

De acordo com ela, os treinos devem ser relaxantes e precisam respeitar as limitações da mulher. As atividades mais intensas podem prejudicar o desenvolvimento fetal, por isso precisam ser evitadas.

Caminhada, natação, hidroginástica e bicicleta são atividades recomendadas para melhorar a circulação sanguínea. Sempre que possível, devem ser associadas aos exercícios de musculação e de alongamento. “Eles ajudam a relaxar e a prevenir os incômodos próprios da alteração anatômica na gestação, principalmente nas costas e nas pernas. Evitam, ainda, a incontinência urinária e diástase na barriga, quando a parede dos músculos do abdômen se divide ao meio, na vertical, partindo o umbigo”, explicou Karina.

Fôlego – Pedalar é um dos exercícios recomendados para as gestantes melhorarem a circulação sanguínea (Foto: Divulgação)

Foto: Divulgação

Exercícios depois do parto

Para a prática de exercícios é importante ainda tomar certos cuidados como estar sempre bem hidratada, usar roupas adequadas e se alimentar antes das atividades. Após o nascimento do bebê, também é importante dosar a intensidade para não afetar a produção do leite materno. No período pós-gestação, nos seis meses após o parto, a atividade física também é fundamental. “Os hormônios da gestação que ainda estão no organismo da mamãe aceleram a perda de peso e propiciam maior definição da silhueta”, afirmou Karina. Segundo ela, voltar à forma nesse período é muito mais rápido se compararmos com quem espera mais tempo para recomeçar a se exercitar.